Bem-vindo

Vamos te dar as melhores dicas e te manter atualizado de tudo que há de novo no mercado de Segurança Eletrônica no Brasil e no mundo.

Segurança eletrônica: Veja 3 dicas e saiba porque é tão importante.

Segurança eletrônica: Veja 3 dicas e saiba porque é tão importante.

0
(0)

Vamos falar mais neste texto sobre o que é a segurança eletrônica, a procura de profissionais e empresas neste setor e 3 dicas para investir neste segmento.

O que é segurança eletrônica?

Segurança eletrônica é a aplicação de tecnologias da informação e comunicação a mecanismos de segurança física.

Portanto, não deve ser confundida com a segurança do computador, dedicada à proteção de nossos dados e privacidade na Internet.

Segurança eletrônica: segmento está em alta

Cada vez mais as pessoas estão entendendo que a segurança não é uma despesa, mas sim um investimento.

No comércio muitos clientes preferem visitar espaços seguros, que lhes dão todas as garantias para fazer suas compras ou desfrutar de momentos agradáveis e seguros com a família. Por isso, empresas que apostam na segurança eletrônica tem um enorme diferencial.

Além do quesito conforto e conveniência para seus clientes, a segurança eletrônica é uma ótima ferramenta de proteção. Um estabelecimento que possui um sistema de proteção eletrônica desencoraja os criminosos a cometer assaltos ou outros crimes.

Um sistema de segurança preventiva possui algumas variações, dentre elas:

  • Sistemas de alarme;
  • Câmeras de identificação de rosto;
  • Câmaras de identificação de matrículas para controle de acesso;
  • Alarmes de incêndio;
  • Soluções de vigilância por vídeo;
  • Controle biométrico.

Segurança eletrônica: solução eficaz

Hoje, os criminosos se tornaram mais ousados e têm como alvo as empresas mais rentáveis.
É por isso que recomendo que você procure empresas formais de segurança, que tenham bons processos de diagnóstico e possuam equipe técnica especializada para implantação de seu projeto de segurança.

Abaixo listamos 3 dicas de itens importantes que podem ser implantados em seu comércio ou residência:

1.Fechaduras inteligentes

Este é o item mais tradicional quando se fala em segurança. Ao pensar em fechadura logo vem a mente os cadeados ou as fechaduras tradicionais. Por isso, esse foi um dos primeiros focos dessa evolução tecnológica.

Hoje é possível encontrar no mercado fechadura que dispensam o uso de chaves e para alguns modelos é possível fazer a abertura remotamente utilizando o celular.

As fechaduras inteligentes são invisíveis do lado de fora, portanto não podem ser forçados, o proprietário sempre pode controlá-lo usando um smartphone ou outros dispositivos com conexão à Internet.

Além disso, fechaduras inteligentes têm fechamento automático. Dessa forma, mesmo se deixarmos a porta aberta, ela fechará sozinha. Não é ótimo?

2.Sistemas de conexão sem fio

Embora os sistemas de fiação tenham sido os mais recorrentes nos sistemas de segurança, atualmente existem diferentes alternativas sem fio.

Dessa maneira, economizamos a necessidade de furar as paredes, utilizarmos uma grande quantidade de cabos para instalação. Sua instalação não demanda uma grande infraestrutura.

Graças a essa tecnologia, uma evolução foi alcançada nos sistemas de câmeras de segurança, com equipamentos sem fio para visualizar sua propriedade ao vivo a partir de um dispositivo conectado à Internet, como o seu smartphone. Isso lhe dá uma liberdade e tanto, pois quantas vezes não viajamos e ficamos preocupados se está tudo bem em casa? Ou ficamos inseguros se os vizinhos está realmente indo todos os dias para ver se está tudo em ordem?

3.Sensores eletrônicos

Sensores eletrônicos são dispositivos que podem ativar o sistema de alarme em caso de emergência.

Especificamente, os sensores de contato são projetados para alertar quando as janelas são quebradas ou uma porta é aberta sem autorização.

Além disso, esses sensores podem ser programados para iniciar uma gravação de vídeo, notificar o proprietário ou chamar a polícia diretamente.

São componentes indispensáveis para um bom sistema de alarme, sua instalação, calibração e configuração são tão importantes quanto o próprio equipamento.

Pois pior que não ter um sistema de segurança, é ter um que não funciona, e por incrível que pareça muitas vezes o proprietário não sabe. Por isso muita atenção na hora de adquirir seu equipamento e contratar o técnico que fará sua instalação.

Gostou do assunto? Acompanhe todas novidades em equipamentos e soluções de segurança em nosso blog. Se tiver dúvidas, deixe o seu questionamento nos comentários!

Ou se deseja receber uma consultoria especializada, escreva seu nome e e-mail que um profissional capacitado vai entrar em contato com você.

www.supersegbrasil.com.br

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Deixe uma resposta

*

code